Informação


Este blogue foi criado há alguns anos para divulgar a poesia e as artes plásticas dos verdadeiros artistas...Por vezes, coloquei alguns humildes trabalhos meus, mas vou deixar de o fazer, e em defesa da coerência criei um outro blogue, com características pessoais, o qual vos convido desde já a darem uma olhadela em:

sexta-feira, 20 de julho de 2012

a proveniência da beleza entre as (m)águas

o amor é o mamilo de deus
uma pedra fechada sobre uma lágrima, escura, percorrida,
um quisto com a espessura do inverno na vastidão da pele,
um beijo à espera que duas bocas se aproximem para sê-lo,
não se vê o princípio, não se vê o remate, só a dor caminha
este beijo, por entre os sinais que indiciam suas metástases.

o amor é de carne e de silêncio, gravita como um monstro,
aonde estava a calma ignorância, um coração puro, normal,
entra, invade, morde, espalha sua droga assassina, e mata.
o amor é a cura das doenças sem cura, ou em fase terminal,
o único reduto a que expiramos se nos cerca o fim da vida.

Tela de Montserrat Gudiol

Sem comentários:

Enviar um comentário