Informação


Este blogue foi criado há alguns anos para divulgar a poesia e as artes plásticas dos verdadeiros artistas...Por vezes, coloquei alguns humildes trabalhos meus, mas vou deixar de o fazer, e em defesa da coerência criei um outro blogue, com características pessoais, o qual vos convido desde já a darem uma olhadela em:

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Para Elvis Presley

Quando te conheci, já eras Pelvis,
já a maneira tomara de ti conta.
Lembras-te, naquele dia, em Pocahontas,
do dedal encontrado à entrada d'Elvis?

Um dedal tão pequeno como o olho
do cu, do curucu, da cucaracha.
Enquanto o México te chamava A Macha,
desunhavas-te em putos no restolho.

Andarias, aqui, debaixo de olho,
se não fora conhecer-te o influente
director do Costume e sua gente,
seus homens de mão e molho...

Instrumento de sopro, Elvis amigo,
um tempo foste a bomba arremessada
- a América tem as costas muito largas! -
contra a Boa Consciência e seus pascigos.

Por ti, por mim, por tudo,
por um Portugal membrudo,
eu, Elvis Pelvis, te saúdo,
te encomendo e ajudo!

                                      Esboço de Vasco Barreto

Sem comentários:

Enviar um comentário