Informação


Este blogue foi criado há alguns anos para divulgar a poesia e as artes plásticas dos verdadeiros artistas...Por vezes, coloquei alguns humildes trabalhos meus, mas vou deixar de o fazer, e em defesa da coerência criei um outro blogue, com características pessoais, o qual vos convido desde já a darem uma olhadela em:

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

O meu baú

O meu baú é só metade da saudade do que não escrevi
a outra metade é da dos despojos do que não sei
o meu baú envelhece e as traças alimentam-se
de metáforas ilusões novelos de vidas e de mortes
a senhora da limpeza areja-o de quando em vez
escova o pó das palavras de que mais gosta junta-as
numa caixinha que era da senhora sua mãe
para que quero eu tanto lixo
está sempre ela a perguntar-me
e eu não sei responder por isso não me zango com ela
um destes dias ofereço o baú à minha zeladora de palavras

                                         Ilustração: Vasco Barreto

Sem comentários:

Enviar um comentário